Como criar um Agregador de Conteúdo

Eu já falei bastante, acho que até em todos os artigos existe uma menção, sobre os agregadores de conteúdo com um foco mais especial naqueles que reúnem links adultos. Mesmo eu já tendo tratado disso em um artigo anteriorvocê sabe que eu coloco o link na frase, então não precisa ir procurar pelo blog – é bom explicar mais uma vez!

Agregadores de conteúdo reúnem, diariamente, uma grande quantidade de links enviados por portais, blogs e sites promovendo um ranking para estipular qual noticia é a mais clicada. Para o leitor desse tipo de site agregador a vantagem é encontrar os melhores links da internet – falando de um bom agregador é claro – em um único lugar. Para os donos dos portais é a chance de receber uma quantidade absurda de visitas praticamente de graça, uma vez que não existe cobrança e os agregadores são gratuitos.

#FATO: um dos melhores resultados que eu tive testando agregadores foi usado aquele que, pelo menos eu considero assim, é um dos maiores agregadores brasileiros: http://ocioso.com. Em um artigo de humor que estava se aproveitando de uma notícia na hora certa o total de visitas no dia, excluindo o tráfego natural do blog, chegou a bater 65 mil. Se eu conseguir localizar os dados faço a edição para história ficar mais sólida.

Porém, o assunto que eu sempre abordei foi sobre maneiras de aproveitar esse tráfego sem prejudicar o seu site adulto e agora o que eu vou mostrar é como montar o seu próprio agregador. A principal vantagem disso é você ser o dono do tráfego, ou seja, primeiro os visitantes passam por você e o clique dele nos anúncios ou a compra que ele efetuar em algum parceiro seu é muito mais rentável.

A Plataforma de um Agregador de Links

Infelizmente, e com muita dor no meu coração, não iremos usar o WordPress nesse projeto. Grande maior dos agregadores online, seja ele de conteúdo adulto ou não, utiliza um script criando em Code Iginiter (framework PHP) e com um bando de dados no MySql. Não fuja caso essas palavras pareçam xingamentos para você, são apenas tecnologias e eu gosto de mencionar do que as coisas são feitas mesmo que vá te confundir um pouco.

agregador-de-conteudo-home

Você precisará de uma hospedagem, de preferência com cPanel ou WHM, que te forneça acesso a criação de banco de dados e FTP. A instalação pode ser um pouco complicada, já que envolve o upload da base de dados e a alteração de informações dentro do código.

Faz bastante tempo que eu consegui esse código, mas nunca pude trabalhar nele. Nos últimos meses dediquei algumas horas por dia e finalmente consegui encontrar uma forma estável de uso dele. Inclusive foi necessário automatizar funções como incluir a logo, trocar de cores e até os banners. Para explicar melhor como tudo funciona eu fiz a instalação de um agregador – inclusive ele será apresentado como uma ferramenta para os parceiros do blog – dentro do site http://pornlinks.com.br.

agregador-de-conteudo-parceria

Não existe segredo e o agregador de conteúdo é bem direto em suas funcionalidades. Para acessar a área de administração pasta você adicionar “/admin” na URL.

Painel de Administração

Dentro da área administrativa do agregador, no topo, você tem a opção de voltar para a página inicial, trocar sua senha de usuário ou apenas sair.

Olhando a barra de links principais, a esquerda, você encontra as principais funções de gestão do seu agregador de conteúdo.

  • Links

Não precisa ser o mestre da adivinhação para perceber que é nessa área que você encontrará os links, fará aprovação (ou não) deles e reunirá todo o seu conteúdo agregado.

agregador-de-conteudo-administrar

  • Parceiros

Esses são os sites que se cadastraram no seu agregador e estão autorizados a enviar os links. Você pode liberar o envio ou bloquear parceiros.

agregador-de-conteudo-area-de-parceiros

  • Selos

São os seus próprios banners que estarão na página de cadastro para o parceiro colocar dentro do site dele. O banner estará com a usa URL e isso gerará tráfego de retorno para o seu agregador.

agregador-de-conteudo-selos

  • Categorias

Os tipos de conteúdo que você aceita e, também, uma forma de separar os links. Categorias são importantes pois é uma das poucas ferramentas que se tem de SEO na plataforma.

agregador-de-conteudo-categorias

Customizando e Configurando o Agregador

Por enquanto não existe uma grande customização disponível nessa plataforma de agregador de conteúdo, porém você poderá:

  • Trocar as cores, imagens e logo do portal.
  • Configurar a mensagem de rodapé.
  • Configurar os banners de publicidade.
  • Configurar o horário que os links são zerados para gerar um novo ranking.
  • Configurar o email administrativo.

Na área de usuários é possível você trocar as informações do usuário de administração e criar novos acessos caso você trabalhe com mais de uma pessoa no portal.

Divulgando o meu Agregador.

Vamos torcer para que nesse momento você já tenha um agregador de conteúdo muito bem montado, fez todos os testes e todas as funções funcionaram! O que falta? O ingrediente principal: links.

Primeiramente escolha um bom domínio para lançar o seu agregador. São raros os casos que deram certo com nomes estranhos – Tia-Tanaka é um exemplo – porém a grande maioria usa referência a ser um agregador. Eu usei o domínio http://pornlinks.com.br por já ter ele registrado a muito tempo, mas o grande fator foi ele ter uma boa união de palavras.

exemplo-de-links-do-ocioso

Em segundo lugar, uma vez que a plataforma não é um WordPress da vida, você precisará batalhar pelos seus parceiros. Somente com o envio constante de vários parceiros é que a visitação do agregador cresce. A vantagem disso é que a visitação crescer para você é bom para os seus parceiros, então é uma boa moeda de troca você pedir a ajuda deles. Navegue pelos blogs, sites e portais adultos da vida e envie convites a todos eles. Da um pouco de trabalho, mas o retorno é muito bom.

Ganhando Dinheiro com Agregador de Conteúdo

Claro que esse era o tópico que você estava ansioso para ler. Sim, dá para ganhar uma boa grana com agregadores de conteúdo e o lucro vem de diversas áreas:

  • Os famosos links, pop-ups e banners.
  • Anunciando produtos, como eu já comentei sobre Games.
  • Uma vez que seu agregador atinja um alto nível de tráfego, você poderá cobrar pelas primeiras posições.
  • Vendendo serviços de tráfego aos seus parceiros.
  • Promovendo seus próprios portais.
  • Criando uma Loja Virtual junto ao seu agregador.

vendendo-links-no-agregador-de-conteudo

Essas são as principais oportunidades, mas existem outras maneiras também de ganhar com o Agregador. Eu não quero colocar tudo na mesa agora para não te assustar ou te empolgar demais.

Deixando extremamente claro e reforçando isso mais uma vez – é a quadragésima vez já – que para ganhar dinheiro ou ter um bom agregador de conteúdo você precisará de links sendo enviados diariamente.

Comprando a plataforma

Já foi passando os primeiros macetes de como pescar e agora falta a vara – ui! A plataforma de Agregador de Conteúdo está aqui na Loja do PornPress. O código foi todo conferido por nós, corrigido e terá várias evoluções nos próximos meses. Inclusive você poderá estar lendo esse artigo e a plataforma já estar em uma versão a frente.

Dentro do pacote você encontrara o código e um manual de instruções da instalação. Colocar o Agregador de Conteúdo online pode ser uma tarefa bem difícil para iniciantes.

Dúvidas, informações ou se alguma coisa não ficou clara deixe um comentário que com certeza ele será respondido.

Ashley Madison - Have an affair. Married Dating, Affairs, Married Women, Extramarital Affair
Porn Press

Em um mundo onde o objetivo principal das pessoas é fazer menos e ganhar mais, eu decidi me atribuir um cargo diferente não importa a empresa que eu trabalhe: Um facilitador de Vidas. Raramente você vai se interessar pela maneira como eu trabalho, desenvolvo ou crio novas coisas. Só existe um simples e puro pensamento seu: “Facilite a minha vida” e é isso que eu adoro fazer.

12 comments

Avatar
  • Hello, guest